sábado, setembro 07, 2019

GRANDE PRÉMIO DE ITÁLIA

AUTÓDROMO DE MONZA - GRANDE PRÉMIO DE ITÁLIA

(Lisboa) Este fim de semana realiza-se o Grande Prémio de Itália de F1, edição 2019. Esta imagem é de há 15 anos atrás no mesmo circuito de Monza, no fim de semana do mesmo evento, em 2004. A fotografia mostra parte da antiga oval, ponto turístico para os visitantes do circuito. Foi a primeira vez que ouvi e vi ao vivo um carro de F1. Foi também a última vez. Como aqueles carros fazem barulho. Parece que o ouvido vai rebentar. Faz mais barulho que o motor de um Boeing do século passado. Por isso é que estavam a dar protecções para o ouvido à entrada das bancadas. A dar ou a vender, já não me lembro. Toda a gente à minha volta parecia ter uns. Eu não tinha, nem sabia que precisava. Sentei-me bem em frente às boxes e maravilhado deixei-me estar. Cheguei a colocar as duas mãos nos ouvidos, o meu tímpano parecia que ia rebentar. Antes de começarem os treinos muita gente perto dos carros e das instalações das equipas. São os visitantes VIP ou serão as visitas guiadas. Na entrada das boxes o Schumacher, o Michael, ultrapassava um outro piloto que já se encontrava dentro das linhas brancas de acesso às garagens das equipas e ele queimou o traço contínuo e entrou no acesso às boxes vindo da recta da meta, rumo ao estacionamento da sua equipa. O animador de serviço referiu a proeza, o feito, do então apenas hexacampeão mundial. A equipa Ferrari ocupava as primeiras garagens logo a seguir ao pódio. Fácil de os identificar, todos vermelhos.

A fotografia foi tirada na Viale Mirabello no regresso da Curva Parabolica.

sábado, agosto 24, 2019

CAMPANHAS

NÓS CIDADÃOS - FUNCHAL

(Lisboa) Apareceram nos últimos anos como partido político. Este era um dos seus cartazes fotografado em janeiro deste ano de 2019, junto ao autossilo do Campo da Barca.

sexta-feira, agosto 23, 2019

CAMPANHAS

CARTAZES PS E PSD - FUNCHAL - ZONA DO CAMPO DA BARCA

(Lisboa) Daqui a um mês já saberemos os resultados. Fotografia tirada numa das pontes entre a Rua Dr. Pestana Júnior e a Rua da Ribeira de João Gomes, ao pé do autossilo do Campo da Barca. PS ou PSD? Haverá surpresas?

quinta-feira, agosto 22, 2019

ELEIÇÕES NA MADEIRA

ASSEMBLEIA LEGISLATIVA REGIONAL - FUNCHAL

(Lisboa) Daqui a um mês há eleições na Madeira, Legislativas Regionais. Escrevo estas linhas em janeiro de 2019, uns dias depois de sair uma sondagem que confirmada na realidade no dia 22 de setembro, muda um pouco o jogo de forças no parlamento. Quem se sentará nestas cadeiras? Você decide, eu já não decido nada, já não estou recenseado na Região.

sexta-feira, julho 26, 2019

OLIVA DE LA FRONTERA


OLIVA DE LA FRONTERA

(Lisboa) Oliva de la Frontera é atravessada sem ver ninguém nas ruas. Está calor mas não muito. De vez em quando cruzamo-nos com um carro que passa em sentido contrário. Não há caminhantes por aqui. Salta à vista o protesto que colocaram numa das varandas de uma das casas todas iguais. Mais à frente outra mensagem contra a mina numa janela, outra faixa a unir dois edifícios em lados opostos da mesma rua, e nova varanda decorada com a mesma mensagem.

segunda-feira, maio 27, 2019

ESTRADA MONUMENTAL

ESTRADA MONUMENTAL - FUNCHAL - ILHA DA MADEIRA

(Lisboa) A Estrada Monumental, é esse o nome dessa estrada que, para quem vem do Funchal, do centro, começa logo após a Ponte do Ribeiro Seco e nos entrega mesmo à entrada de Câmara de Lobos, um dos concelhos vizinhos. São cerca de sete quilómetros de via que só não é completamente caminhável por causa da ausência de passeio na saída da Praia Formosa, na Rua da Praia Formosa. O passeio por esta estrada tem a concorrência da promenade ainda mais próxima do mar.

sexta-feira, abril 05, 2019

AEROPORTO DA MADEIRA

LPMA - AEROPORTO DA MADEIRA

(Lisboa) Reparei há uns dias que já não colocava imagens da Madeira desde o dia 3 de outubro de 2018. É muito tempo. Cá está um registo da minha última viagem. O avião é TAP, como se podem ver pelas cores. É o Júlio Pomar, CS-TJI, um A321 neo. A viagem de Lisboa para o Funchal apanhou um voo de estudantes, faltavam apenas uns dias para o Natal. Senti-me a regressar aos anos de faculdade. O tempo em que às passagens de residente era permitido ficar com o regresso em aberto. Hoje também deve ser possível fazer isso, pagando mais um tanto pode-se quase tudo. O tempo em que mesmo no Natal e sem marcação conseguia sempre vaga. Ficava em lista de espera e fazia figas para o avião ter um lugar para mim. Com um só é mais fácil. Quando se viaja com mais gente é mais complicado fazer isto. Fui algumas (duas ou três) vezes buscar as bagagens ao tapete e voltava a tentar, era um jogo de sorte e de azar. Reparei que as conversas de estudantes em aviões continuam as mesmas duas décadas depois, mais ou menos. Copos, festas e no intervalo disso estuda-se, pelo menos é o que fica bem dizer, já na altura era assim.

Referências:
(1) - https://www.airbus.com/aircraft/passenger-aircraft/a320-family/a320neo.html

quarta-feira, abril 03, 2019

O ANO DE ZAYED

A6-EEU - EMIRATES - AEROPORTO DO DUBAI - A380

(Lisboa) Em 2018 os Emiratos Árabes Unidos celebraram o centenário do seu fundador, o Sheikh Zayed bin Sultan Al Nahyan. A Emirates, companhia de aviação que só tem A380 e Boeings 777, decidiu decorar dez aviões em razão desta efeméride. Este é um deles, o A380 de matrícula A6-EEU. Boa viagem, gigante!

Referências:
(1) - https://www.emirates.com/media-centre/emirates-completes-fleet-of-ten-commemorative-aircraft-for-the-year-of-zayed

domingo, março 31, 2019

A380

AEROPORTO DO DUBAI - A380 - EMIRATES -DUBAI

(Lisboa) Infelizmente vão cessar a produção do maior avião de passageiros do mundo em breve mas gostei de ser um dos seus passageiros. Foi um voo muito confortável, mesmo em classe económica. Mais um avião fotografado da janela do Hotel Moscow, no Dubai. Era só destes a sair do Aeroporto Internacional do Dubai, intercalados com Boeings 777 e outros vestígios. Não se sente a descolagem, não há turbulência durante o voo e mal se sente quando aterra. Quem ainda não andou e gostava de andar num destes que não fique preocupado, os A380 ainda devem circular pelos céus do mundo durante muitos mais anos.

Referências:
(1) - https://www.theguardian.com/business/2019/feb/14/a380-airbus-to-end-production-of-superjumbo

domingo, março 24, 2019

FLYDUBAY

FLYDUBAI - AEROPORTO Do DUBAI - BOEING 737

(Lisboa) A FlyDubai é uma companhia aérea com pouco mais de meia dúzia de dezenas de Boeing 737. Não voa para Portugal. Se eu quiser percorrer a menor distância possível para ver um destes teria de ir à Sicília, na Itália, ao Aeroporto da Catânia. Tive uma vez, no século passado, uma correspondente na Sicília. O professor de inglês dos Salesianos cujo nome não me lembro mas a malta chamava de verdinho, apresentou aos seus alunos umas folhas com muitas bandeiras e cores, da International Youth Service (IYS). Preenchíamos aquelas folhinhas fininhas com quem nos queríamos corresponder em troca de uma taxa e umas semanas depois recebíamos no nosso correio uma carta com a morada da pessoa. Nem sei como efetuava o pagamento. Sei que apenas o primeiro correspondente foi conseguido através do professor. Depois fiquei eu próprio a tratar de arranjar mais. Já me correspondia com outras pessoas a nível nacional. O objectivo era praticar o inglês mas não só. Saber como outras pessoas, outros jovens, viveriam e trocar experiências de vida. A primeira correspondente internacional que arranjei era belga, não me lembro o nome. Depois tive uma de França, do Brasil de quem ainda guardo um postal do Rio de Janeiro e a Rosa, que vivia na Sicília, em Itália, com quem troquei mais correspondência. Com ela e com a Alexandra, de França que teve um acidente de viação e deixou de me responder mais ou menos na altura em que vim para Lisboa estudar. Espero que esteja tudo bem com ela e com todas as outras pessoas com quem me correspondia, dentro e fora de Portugal. A IYS, de acordo com (2) teria fechado em junho de 2008 por falta de clientes, gente interessada em se corresponder por carta. Há um grupo no Facebook que ainda alimenta estas ligações feitas por cartas. Devo a esta experiência ter ganho contacto com outras pessoas que tal como eu queriam comunicar com jovens de outros países. Nunca cheguei a conhecer pessoalmente nenhum penfriend como eram chamados, nem nacional nem internacional mas era mágico receber notícias por carta e escrever contando o que me apetecesse. Engraçado que quando estava diante da folha em branco pensava: mas que tenho eu para escrever de interesse para esta gente? Mas as letras iam saindo da caneta ou do lápis e formando palavras e frases e as cartas de uma página ou uma folha até eram raras. O normal eram umas folhas de escrita. Depois apareceu a Internet mas ficou a vontade de escrever e talvez por isso ainda alimente este blogue lido só por mim mesmo mas não interessa. O que interessa realmente é fazer as coisas e sentir que têm algum significado, nem que seja só para mim. Esse é o sentido da vida também, fazer coisas que nos preenchem e nos dão alegria. É claro que o que me faz feliz não será necessariamente o que faz feliz a outras pessoas nem o contrário.

Referências:
(1) - https://www.airfleets.net
(2) - http://penpallingandletters.blogspot.com/2010/02/iys-international-youth-service-founded_06.html